Diocese celebra os 70 anos do Seminário Nossa Senhora do Amor Divino

Clique na imagem e veja o álbum de fotos

Com o Seminário Diocesano Nossa Senhora do Amor Divino lotado, foi celebrado na noite de 25 de março, os 70 anos de fundação da Instituição com missa presidida pelo bispo diocesano, Dom Gregório Paixão, OSB. Durante a celebração o fundador do Seminário, Dom Manoel Pedro da Cunha Cintra e a proprietária do terreno doado para sua construção, a Embaixatriz Lavínia Luiz Guimarães, viúva do Embaixador Luiz Guimarães Filho foram lembrados, assim como todos os reitores, sendo o primeiro deles, Monsenhor Gilberto Ferreira de Souza.

O Seminário recebeu uma benção do Papa Francisco e da Câmara Municipal, por meio do vereador Mauro Henrique Ribeiro de Oliveira (Maurinho Branco) uma moção congratulatória. Os membros do Serra Clube, instituição que contribuem com a manutenção do Seminário Diocesano e ajuda os seminaristas nas suas necessidades, assim como os agentes das equipes vocacionais paroquiais e diversos benfeitores estiveram presentes na missa de ação de graças pelos 70 anos do Seminário Diocesano.

Por causa do grande número de pessoas, vindas de todas as paróquias da Diocese, a direção do Seminário colocou um telão no Teatro, onde as pessoas puderam acompanhar toda celebração. Presidida por Dom Gregório Paixão, a missa contou ainda com a presença do Dom Frei José Ubiratan Lopes, OFMCap, bispo de Itaguaí e Dom Gilson Andrade da Silva, bispo Coadjutor de Nova Iguaçu e ex-reitor do Seminário.

Também marcaram presença na celebração eucarística cerca de 64 padres, sendo a maioria deles da Diocese de Petrópolis e formados pelo Seminário, que em sete décadas formou para o sacerdócio, mais de 110 padres. Sacerdotes de outras dioceses e congregações religiosas também estiveram presentes, assim como religiosas de várias congregações e leigos de vida consagrada.

Para o reitor do Seminário, Padre Luiz Henrique e os padres que o ajudam na direção e formação dos seminaristas, a semana passada e o dia 25 de março, data da fundação da Instituição, foi uma grande graça e uma alegria ver o Seminário lotado com a presença dos fiéis, amigos e benfeitores. Em seu discurso de agradecimento, Padre Luiz Henrique lembrou as palavras do fundador do Seminário, Dom Manoel Cintra: “O Seminário é o coração da Diocese”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *