Diocese cede espaço a Prefeitura de Petrópolis para acolher moradores em situação de rua

A Diocese de Petrópolis está disponibilizando uma de suas casas de retiro, com capacidade para 100 pessoas e localizada na cidade de Petrópolis, a fim de acolher a População em Situação de Rua (esse é o nome correto).

A iniciativa visa proteger todas essas pessoas durante o período de pico do Coronavírus, pois o grupo pertence à população mais vulnerável e carente.

O Bispo de Petrópolis, Dom Gregório Paixão, OSB, se alegra em poder acolher essa População, e disse que “recebê-los é o mesmo que receber Jesus Cristo, que nos vem pelos mais necessitados”.

A casa será usada numa parceria com a Prefeitura de Petrópolis onde serão acolhidos cerca de 20 pessoas, que poderão permanecer em quarentena para evitar uma possível disseminação do coronavírus. O local possui cômodos que, mesmo sendo capazes de abrigar um grande número de pessoas, será dividido e espaçado de acordo com as orientações médicas indicadas para evitar o risco de contaminação.

Para o prefeito Bernardo Rossi, um verdadeiro presente num momento tão difícil para a cidade. “Agradeço muito ao Bispo de Petrópolis, Dom Gregório Paixão, e ao padre Luís Mello, por terem cedido gentilmente o local para pessoas que precisam tanto de atenção. Fico feliz em ver a preocupação de todos nesse momento. Petrópolis agradece de coração esse presente”, disse.

A casa vai contar com equipes de segurança da Guarda Civil Municipal para evitar o trânsito de pessoas durante o período de quarentena, além de equipes das secretarias de Saúde e Assistência Social. Vale lembrar que até o momento não existem casos suspeitos de contaminação pelo vírus entre as pessoas em situação de rua na cidade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *