Pastoral Familiar promove formação para agentes no Decanato de Magé

18 05 2017 Pastoral Familiar - Decanato São José de Anchieta

Clique na imagem e veja o álbum de fotos

A Pastoral Familiar, do Decanato São José de Anchieta, promoveu no dia 30 de abril de 2017, das 15h as 19h, na Paróquia Nossa Senhora Aparecida de Parada Modelo, a formação para os agentes da Pastoral. Participaram do encontro, representantes das paróquias N. Sra. Aparecida de Parada Modelo, N. Sra. Aparecida de Piabetá, N. Sra. D’Ajuda de Guapimirim, N. Sra. da Guia de Mauá, N. Sra. da Conceição de Raiz da Serra, N. Sra. da Conceição e Santo Aleixo de Santo Aleixo, São Nicolau de Suruí e São Sebastião de Piabetá.

A formação foi sobre a Exortação Apostólica Pós-sinodal Amoris Laetitia, do Papa Francisco ministrada pelo Diácono Paulo Roberto de Oliveira, assessor Eclesiástico da Pastoral Familiar do Decanato São José de Anchieta.

Pontos principais que foram abordados:

 “…as famílias cristãs são, pela graça do sacramento nupcial, os sujeitos principais da pastoral familiar, sobretudo oferecendo «o testemunho jubiloso dos cônjuges e das famílias, igrejas domésticas»”. AL 200

“…O amor precisa de tempo disponível e gratuito, colocando outras coisas em segundo lugar. Faz falta tempo para dialogar, abraçar-se sem pressa, partilhar projetos, escutar-se, olhar-se nos olhos, apreciar-se, fortalecer a relação”. AL 224

“…O amor que não cresce, começa a correr perigo; e só podemos crescer correspondendo à graça divina com mais atos de amor, com atos de carinho mais frequentes, mais intensos, mais generosos, mais ternos, mais alegres”. AL134

“…«querer formar uma família é ter a coragem de fazer parte do sonho de Deus, a coragem de sonhar com Ele, a coragem de construir com Ele, a coragem de unir-se a Ele nesta história de construir um mundo onde ninguém se sinta só»”. AL321

“…Com o testemunho e também com a palavra, as famílias falam de Jesus aos outros, transmitem a fé, despertam o desejo de Deus e mostram a beleza do Evangelho e do estilo de vida que nos propõe. AL 184

Após a formação os participantes tiveram um momento de adoração e benção do santíssimo, encerrando com a santa Missa.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.