Diocese, Notícias › 14/02/2017

Pastoral da Pessoa Idosa promove cursos de capacitação na Diocese

13 02 2017 Pastoral da Pessoa Idosa

Clique na imagem e veja o álbum de fotos

Cerca de 24 pessoas, representando diversas paróquias da Diocese de Petrópolis, participaram de um encontro de capacitação, orientado pela coordenadora nacional da Pastoral da Pessoa Idosa, Irmã Terezinha Tortelli. Durante o encontro, realizado no dia 11, no Colégio Santa Isabel, e no dia 12, na UCP Benjamin Constant, Irmã Terezinha afirmou que o objetivo central da Pastoral da Pessoa Idosa é ir ao encontro da pessoa “levando o abraço da Igreja e a ternura de Deus”.

O encontro foi acompanhado pelo Vigário Diocesano da Caridade, Padre Rafael Soares, que ressaltou a importância desta formação, para implantação da Pastoral da Pessoa Idosa na Diocese de Petrópolis. A iniciativa do encontro de capacitação partiu do contanto do Pároco de Santo Antônio e Santo Agostinho, Padre José Augusto Carneiro (Pe. Jac) que fez o primeiro contato com a coordenadora nacional.

Durante o curso de capacitação, além do Padre Rafael, estiveram presente Padre Jac e o Padre Reginaldo Pereiro, vigário paroquial de Nossa Senhora das Dores, Areal. Ente os testemunhos sobre o encontro, algumas pessoas destacaram que agora compreenderam que Pastoral da Pessoa Idosa não é fazer festas e passeios, mas ter uma atenção maior a pessoa idosa, com visita residencial e procurando ajudar os idosos, principalmente aqueles em situação de risco social.

A coordenadora nacional da Pastoral da Pessoa Idosa, Irmã Terezinha conversou com a equipe da Pastoral da Comunicação da Diocese, quando explicou que a Pastoral não é assistencialismo, mas é ir ao encontro dos idosos, procurando ajuda-lo e também as famílias, que muitas vezes enfrentam diversas dificuldades para cuidar do idoso. Ela destacou que, no Brasil, é muito pequeno o índice de institucionalização do idoso, isto é, idosos que vivem em asilos.

A Irmã lembrou ainda São João Paulo II afirmando que ele é um grande motivador da ação da Pastoral da Pessoa Idosa. Ela disse que ele tinha um zelo especial pelas pessoas idosas e citou uma frase dele, que foi incorporada pela pastoral, como uma meta: “que cada comunidade acompanhe com uma compreensão amorosa todos os que envelhecem”.

“Isto nos motiva a ir cada mais ao encontro de todos os idosos em todas as comunidades e acompanhando com a ternura de Deus. São João Paulo II é um grande motivador da nossa ação”, afirmou Irmã Terezinha, que lembrou também a médica Doutora Zilda Arns, considerada fundadora da Pastoral da Pessoa Idosa e por isso utiliza a mesma metodologia da Pastoral da Criança, sendo que os indicadores são da pessoa idosa.

Ouça a entrevista na íntegra da Irmã Terezinha Tortelli clicando no link abaixo.

Para saber mais sobre o trabalho da Pastoral da Pessoa Idosa, clique aqui.

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.