Pastoral do Batismo

Pastoral do Batismo

Acesse o site: Pastoral do Batismo

Desde as suas origens, a Igreja cumpre o mandato de Jesus, que ordenou: “Ide e fazei que todas as nações se tornem discípulos, batizando-as no nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo” (Mt 28,19). O santo Batismo é o fundamento de toda a vida cristã, a porta da vida no Espírito (vitae spiritualis janua), e a porta que abre o acesso aos demais sacramentos. Pelo Batismo somos libertados do pecado, e regenerados como filhos de Deus.

Tornamo-nos membros de Cristo, somos incorporados à Igreja e feitos participantes de sua missão (CIC 1213). Buscando cumprir este pedido de Jesus, a Igreja criou a Pastoral do Batismo.

A Pastoral do Batismo (citada em todas as paróquias do mundo após o encerramento do Concílio Vaticano II) é uma ação organizada da Igreja que:

  1. a) busca conscientizar os catecúmenos (jovens e adultos) para a importância do Sacramento do Batismo e da vivência da fé cristã;
  2. b) objetiva despertar nos pais e padrinhos a corresponsabilidade para a educação da fé das crianças, através do exemplo de uma vivência cristã que reflita positivamente na Igreja doméstica;
  3. c) objetiva inserir seus agentes na participação das reuniões, das celebrações, assim como dar formação a seus agentes.

A função da pastoral é preparar as pessoas que a procuram para pedir o Batismo para os filhos e conscientizar os padrinhos da sua importante missão; organizar toda estrutura da preparação, desde a acolhida até na celebração do Batismo.

Na Diocese de Petrópolis foi criada este ano a Pastoral do Batismo Diocesana que busca, além de manter, aumentar a unidade da Pastoral em nível Diocesano, cumprir os objetivos mencionados acima (letras a, b, c), e implantar algumas ações buscando atender as cinco urgências da ação evangelizadora da Igreja (1ª Urgência: Igreja em Estado Permanente de Missão; 2ª Urgência: Igreja: Casa de Iniciação à Vida Cristã; 3ª Urgência: Igreja: Lugar de Animação Bíblica da Vida e da Pastoral; 4ª Urgência: Igreja: Comunidade de Comunidades; 5ª Urgência: Igreja a Serviço da Vida Plena para Todos).

Para isso, a Pastoral organizou um planejamento estraté- gico com metas estabelecidas para serem atingidas neste ano e nos próximos. Dentre elas estão: A formação dos agentes que fazem a palestra para os pais e padrinhos, a formação permanente para os agentes da pastoral paroquial, a evangelização das famílias após o batizado da criança, a implantação do folheto do Batismo, e a implantação do site da pastoral (www.diocesepetropolis.com.br/pastoraldobatismo).

Todas estas metas foram definidas na reunião diocesana da Pastoral do Batismo. A partir desta reunião geral, a Pastoral estará se reunindo em nível diocesano (três vezes no ano) e em nível de decanato (duas vezes no ano), além de usar as novas tecnologias como um meio de contato permanente.

Diácono Marco Carvalho Coordenador Diocesano da Pastoral do Batismo

Texto publicado na edição de julho/2014 do Jornal Diocesano Voz da Igreja