Fábula 36ª – A carroça vazia

A carroça vazia
Certa manhã, um pai convidou seu filho para dar um passeio no bosque.
O garoto muito se alegrou com o convite e foi, com seu pai, a uma mata próxima.
Desejoso de ensinar a seu filho a sabedoria da vida, ele se deteve numa clareira e, depois de uma pequena pausa, perguntou:
– Além do canto dos pássaros, você está ouvindo mais alguma coisa, meu filho?
O garoto apurou os ouvidos por alguns segundos e respondeu:
– Estou ouvindo um barulho de carroça.
– Isso mesmo! – disse o pai.
Mas essa carroça, meu filho, está cheia ou vazia?
O garoto, intrigado perguntou:
– Como posso saber se a carroça está cheia ou vazia, se não posso vê-la?
– Ora! – respondeu o pai. É muito fácil saber se uma carroça está vazia, pois, quanto mais vazia a carroça, maior é o barulho que faz.
MORAL DA HISTÓRIA:
“Na vida, cada um oferece apenas o que tem. Não espere encontrar conteúdo em pessoas vazias, amor em pessoas frias, humildade nos arrogantes. De fato, cada um oferece apenas o que possuí”.
E como nos ensina a Palavra de Deus, no livro dos Provérbios, capítulo 2º, versículo 20:
“A sabedoria o fará andar nos caminhos dos homens de bem, e a manter-se no caminho dos justos.”
Deus te abençoe!

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.