Notícias › 15/09/2015

Sítio São José do Oriente recebe jovens e adultos para encontros

A história da Diocese de Petrópolis é marcada pela evangelização de seus membros. E hoje temos a alegria de ver a história continuando a ser escrita. Nos dias 5 e 6 de setembro, ocorreu no sítio São José do Oriente dois retiros simultâneos: o Acampamento Resgate e o JOAM Diocesano, com suas características distintas, mas com um único objetivo, levar jovens e adultos a viverem uma experiência de encontro com o Senhor da história, isto é, Cristo Jesus.

O sítio São José do Oriente é uma casa de retiros que pertence ao Seminário Diocesano Nossa Senhora do Amor Divino. Neste local, centenas de pessoas mudaram suas vidas e hoje buscam fazer a diferença em meio ao mundo, testemunhando a beleza do Cristo que transformou as suas vidas.

02O Acampamento Resgate é um retiro de conversão e formação que há anos busca ajudar adultos casados e não casados a terem uma vida centrada em Cristo Jesus. A partilha, a oração e a alegria são características muito presentes durante todo o Acampamento. As pessoas que passam pela experiência do Acampamento não só buscam trazer seus amigos, mas também seus familiares. Assim aconteceu com a senhora Lorena Lúcia Ferreira, Paróquia Nosso Senhor do Bonfim, Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, convidada por seu filho. A Campista Lorena partilhou conosco a sua alegria em viver esta experiência e, principalmente, por ser uma pessoa com necessidades especiais, percebeu que a cegueira não a limitava, e assim pôde perceber o quando é amada por Deus.

O Acampamento também busca resgatar famílias, pois durante o retiro as pessoas são convidadas a refletirem sobre temas referentes à integridade da família.

O Encontro JOAM (Jovens e Adolescentes em Missão), que assim como o Acampamento Resgate é um retiro de conversão, tem por finalidade proporcionar aos adolescentes e jovens a oportunidade de refletirem sobre sua caminha cristã de conversão diária através de pregações querigmáticas.

Os adolescentes e jovens que fazem o JOAM e levam para a vida o que ali encontraram e aprenderam podem agora fazer a diferença em suas famílias, escolas e em seus círculos de amigos.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.