Diocese, Notícias › 18/10/2017

Policiais militares participam de encontro sobre a história da Catedral

17 10 2017 Visita da PM na Catedral

Clique na imagem e veja o álbum de fotos

Uma parceria entre a Diocese de Petrópolis e o 26º Batalhão da Polícia Militar de Petrópolis está proporcionando aos policiais militares uma visita aos pontos históricos e turísticos da cidade. O objetivo deste encontro é promover a formação dos policiais, para que conheçam a história da cidade e assim terem uma aproximação maior com a comunidade local.

Além disto, como destacou o bispo diocesano, Dom Gregório Paixão (OSB) é uma maneira de humanizar ainda mais a relação entre os policiais militares e a comunidade. Segundo ele, quanto mais as pessoas conhecem a história do local onde vivem ou trabalham, a importância das pessoas que viveram e ajudaram a construir a história da comunidade, dão mais valor e passam a interagir com mais facilidade com a comunidade.

Com relação a Petrópolis, o bispo afirma que “assim como as pessoas precisam ser protegidas, os monumentos que contam a história desta cidade precisam ser protegidos e preservados”. Dom Gregório Paixão não tem dúvida de que, conhecendo a história da cidade as pessoas passam a ter uma relação mais próxima com a comunidade.

O comandante do 26º Batalhão da PM em Petrópolis, Coronel Oderlei Santos Alves de Souza manifestou sua satisfação com a parceria com a Diocese de Petrópolis e a disponibilidade do bispo em contribuir com a formação dos policiais militares. O próximo encontro acontece em novembro, quando mais um grupo de 100 policiais terão a oportunidade conhecer a história da Catedral.

Dom Gregório Paixão, como membro do Instituto Histórico de Petrópolis (IHP), disse que este projeto será levado a outras instituições e segmentos petropolitanos, como as escolas e a comunidade. O objetivo do bispo é ajudar as pessoas a conhecerem um pouco mais a história de Petrópolis e seus principais personagens e fatos, alguns poucos conhecidos mais que foram fundamentais para construção da cidade.

O primeiro encontro aconteceu, no dia 17 de outubro, quando 100 policiais militares participaram de uma palestra e visita orientada pelo bispo de Petrópolis, na Catedral São Pedro de Alcântara. Durante o encontro, Dom Gregório Paixão falou sobre a história da Catedral, as pessoas que estiveram envolvidas com a construção do templo. Após a palestra, os policiais fizeram um passeio pelo interior da Catedral, conheceram o Mausoléu Imperial indo depois a torre do sino e conhecendo onde, no futuro será construído o Museu da Catedral.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.