Notícias › 04/09/2015

Padres participam em Salvador de curso sobre exorcismo, cultura e psiquiatria

Arquidiocese de Salvador realizou Colóquio sobre Exorcismo, Cultura e Psiquiatria. Com o objetivo de oferecer uma reflexão sobre as dimensões de cultura verdadeiramente humana, como também apresentar noções acerca dos temas relativos ao exorcismo e elementos de discernimento para acompanhamento das situações relativas à libertação, a Arquidiocese de São Salvador, por iniciativa da Pastoral Presbiteral, está realizando o 1º colóquio sobre Exorcismo, Cultura e Psiquiatria.

Atm5X0VEsrN5tMi4okruNFvfmMe0tqPsA2bk4BA4ir2qO evento, que aconteceu no auditório Dom Geraldo Majella, localizado na Cúria Bom Pastor (avendida Leovigildo Filgueiras, 270 – Garcia), teve início no dia 31 de agosto e encerrou no dia de hoje.

O principal objetivo do encontro foi favorecer a Formação Permanente dos Presbíteros e abranger o conhecimento sobre a temática, se restringindo ao clero (padres diocesanos, padres religiosos e diáconos).

A acolhida foi realizada por Dom Gilson Andrade da Silva, que apresentou os objetivos do colóquio e em seguida Dom Murilo Krieger realizou a abertura do evento, com seu pronunciamento.

As primeiras palestras, que tiveram como tema a cultura humana, foram realizadas pelo padre francês, Paul Marie.

A diocese de Petrópolis foi representada pelos padres Antônio Carlos Soares Cardoso, Cofundador da Comunidade Mater Dolorosa de Jerusalém, Reitor do Santuário Nossa Senhora do Amor Divino e Exorcista Diocesano; André Ricardo Asthine, Pároco da Paróquia de São José do Itamarati; Joni Ellison Muniz Batista, Diretor espiritual da Comunidade Católica Jesus Menino e Pároco da Paróquia de Sant´Ana e São Joaquim; Thiago José dos Santos Rebello, Administrador Paroquial da Paróquia de São José em São José do Vale do Rio Preto; Marco Antônio Teixeira Lima, Juiz Auditor da Câmara Eclesiástica de Petrópolis e Pároco da Paróquia de São Jorge do Independência.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.